Calendário Maia - Calendário Sagrado - Tzolkin


7 (Sete)

Nome Calendário Maia Yukateko (técnico): Wuk
Nome Calendário Maia Yukateko (popular): Uuk
Nome Calendário Maia K’iche’: Wuqub’
Nome Calendário Asteca: Chikomme

NOTA: As informações contidas nesta página são oriundas de publicações e documentos selecionados. Privilegiamos fontes acadêmicas e nativas por compromisso ético. Não recomendamos qualquer uso descontextualizado do conteúdo.


Número sete
Número sete.

Representação antropomorfa do número sete
Representação antropomorfa
do número sete.

NA EPIGRAFIA:
Segundo John Montgomery, o número sete, em sua versão antropomorfa, representa uma forma “humanizada” ou antropomórfica dx jaguar do submundo. Tem um contorno sob seu olho que eventualmente se enrola narinas adentro para formar uma “rosca”. Ademais, pode trazer um gancho dentro do olho e o dente frontal em forma de “T”.

NA ETNOGRAFIA:
No calendário maia K’iche’ de Nawalja’, o conceito relacionado ao número Wuqub’ (sete) é ya xmiq’ik; algo que se esquentou ao ponto de ferver. Efervescência. O latente de “algo”.

VOLTAR