Calendário Maia - Calendário Sagrado - Tzolkin


Junco

Nome Calendário Maia Yukateko (técnico): B’en
Nome Calendário Maia Yukateko (popular): Ben
Nome Calendário Maia Ch’ol: B’in
Nome Calendário Maia K’iche’: Aj
Nome Calendário Mexica/Nahua (Asteca): Acatl
Nome Calendário Zapoteca: Quij

Conhecido como Junco ou Cana.

NOTA: As informações contidas nesta página são oriundas de publicações e documentos selecionados. Privilegiamos fontes acadêmicas e nativas por compromisso ético. Não recomendamos qualquer uso descontextualizado do conteúdo.


Aj

SIGNIFICADO DO GLIFO:
As linhas verticais superiores do caule que não chegam ao fim representam o desenvolvimento do processo espiritual e o sagrado envoltório (PI’XOM KAKAL) e a linha horizontal representa a multiplicação e o horizonte.

NA EPIGRAFIA:
De acordo com John Montgomery, é uma forma simbólica não identificada. Similar ao glifo do dia K’an, exceto pelo fato de que, em lugar do contorno no topo, B’en tem duas paralelas curtas arredondadas. A forma personificada traz o “suporte” observado na parte de baixo da forma simbólica sobre a linha do maxilar.

Segundo David Stuart, o décimo terceiro dia significa “junco” na maioria das línguas maias, e essa é possivelmente a inspiração visual do glifo. O nome Yukateko, Ben ou Been, tem significado desconhecido, mas nas línguas maias das terras altas seu nome é Aj, “junco”.

EM DOCUMENTO MAIA CONTEMPORÂNEO:
Literalmente plantio e regeneração. Símbolo da família e das relações sociais. No sentido político, se refere ao poder e seu exercício responsável. Significa cana ou canavial. É o nawal da casa e das crianças. Dia propício para o lar. É a essência, a abundância, a unidade. Dia concebido em Kan (Chikchan), cujo destino é atrelado ao glifo Imox (Imix).

VOLTAR